terça-feira, 21 de maio de 2013

Como enfrentar nossas batalhas espirituais...

Olá amigas e mulheres de visão!

Hoje Deus me trouxe uma palavra que abre os nossos olhos espirituais. Há algum tempo tenho entendido que, todos os dias enfrentamos batalhas, lutas, oposições do nosso adversário e não podemos ficar paradas, vendo tudo acontecer sem tomar um posicionamento. Certamente você, assim como eu, pôde ver Deus agindo em sua vida todas as vezes que se dispôs a orar, jejuar e guerrear, não é verdade? Talvez você ainda não tenha visto o milagre que tanto espera  em sua totalidade mas, com certeza Deus já te deu sinais de que ele está perto. Tem sido assim comigo; quando não obtenho a resposta que espero, ao menos posso dizer: "vi uma pequena nuvem, do tamanho da mão de um homem" e isso fortalece muito a minha fé e me reanima. É isso que acontece quando nos colocamos na presença de Deus e assumimos nossa posição: Ele nos reanima, nos mostra a Sua vontade, nos aconselha, coloca nossas orações na direção certa, nos fortalece e nos capacita a prosseguir... Deus quer que continuemos assim, todos os dias mas, para que isso aconteça, precisamos nos conscientizar do quanto é importante assumirmos essa posição no mundo espiritual em favor dos planos de Deus para nós, para nossa família, amigos e finalmente, para nossa nação.
Sempre encontraremos oposições mas, o que nos faz alcançar a promessa é a nossa permanência e resistência, independente das circunstâncias...

Olha a palavra de Deus para nós hoje:
Efésios 6:12
"...pois a nossa luta não é contra pessoas, mas contra os poderes e autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais".
Nenhuma batalha é travada sem que haja um ataque. 

É assim que ela começa, quando uma das partes resolve atacar. No nosso caso, estamos tratando de batalhas espirituais porém, a regra é a mesma. Tudo começa quando sofremos um ataque do inimigo e, em resposta, nos defendemos. 
Na maioria das vezes, os ataques espirituais que sofremos vem de pessoas, até mesmo das que amamos. Isso pode acontecer através de uma palavra proferida que nos ofende ou que nos desanima, atitudes que nos prejudicam e por aí vai, mas, como lemos acima, nossa luta não é contra elas mas contra o que as influencia

Talvez você me pergunte: Como identificar os ataques espirituais? É simples: ataque espiritual é tudo aquilo que vem contra as promessas de Deus ou contra a Sua vontade para nós. Pode ser um levante contra nós ou contra alguém que amamos, uma resistência que te impede de receber de Deus aquilo que está buscando, enfim, é tudo aquilo que rouba a nossa paz e alegria, nos deixando vulneráveis e confusas.

O nosso adversário utiliza armas pesadas contra nós, como nos defendemos delas? 
Usando as armas que Deus nos disponibiliza: 
II Coríntios 10:3-5
Pois, embora vivamos como homens, não lutamos segundo os padrões humanos. As armas com as quais lutamos não são humanas; pelo contrário, são poderosas em Deus para destruir fortalezas. Destruímos argumentos e toda pretensão que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levamos cativo todo pensamento, para torná-lo obediente à Cristo.
Quando numa batalha buscamos o socorro de Deus, Ele nos ensina a vencer os ataques nos fortalecendo com Suas armas que são: oração, jejum e louvor.

No momento em que oramos, estamos colocando diante de Deus nossos problemas, estamos colocando Deus à frente da nossa batalha. Quando jejuamos, estamos quebrando a nossa carne e rejeitando o nosso próprio conhecimento e entendimento das coisas e nos sujeitando à dependência total de Deus pois, é Ele Quem faz tudo em nós e por nós. E quando louvamos, tiramos a murmuração dos nossos lábios e engrandecemos a Deus pois cremos que Ele já nos deu a vitória.

Outra arma de defesa e, ao mesmo tempo de ataque que Deus nos dá é: Efésios 6:10-18
Finalmente, fortaleçam-se no Senhor e no Seu forte poder. Vistam toda armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo, pois a nossa luta não é contra pessoas, mas contra os poderes e autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais. Por isso, vistam toda armadura de Deus, para que possam resistir no dia mau e permanecer inabaláveis, depois de terem feito tudo. Assim, mantenham-se firmes, cingindo-se com o cinto da verdade, vestindo a couraça da justiça e tendo os pés calçados com a prontidão do evangelho da paz. Além disso, usem o escudo da fé, com o qual vocês poderão apagar todas as setas inflamadas do Maligno. Usem o capacete da salvação e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus. Orem no Espírito em todas as ocasiões, com toda oração e súplica; tendo isso em mente, estejam atentos e perseverem na oração por todos os santos.
Estar vestida com a armadura de Deus é como estar protegida dos ataques espirituais e ao mesmo tempo preparadas para revidar e anular todos os ataques que sofremos. A armadura de Deus nos ajuda a resistir no dia mal, no dia do ataque e ainda nos faz permanecer firmes e inabaláveis. Por fim, vestidas com esta armadura, precisamos orar em todas as ocasiões e estarmos atentas a tudo que ocorre à nossa volta.

Ore sempre, não deixe de guerrear pelos seus propósitos diante do Pai. Vista-se da armadura de Deus, afinal de contas, uma Guerreira de Oração precisa estar vestida adequadamente, certo?  Seja mais que vencedora em todas as suas batalhas. Deus será sempre contigo!

Ah, não deixe de escrever seu comentário aqui sobre suas experiências, isso pode edificar outras mulheres e a mim também! Clique em reações e compartilhe esta mensagem, ok?

Graça e paz!



sexta-feira, 17 de maio de 2013

Para onde devemos olhar...

Olá queridas mulheres de visão!

A Palavra de Deus sempre nos direciona, nos orienta a um caminho de vitórias e, por este motivo, precisamos estar de olho nela, todos os dias.

Hoje, Deus falou comigo no seguinte texto bíblico: 
Isaías 45:19-25

Não falei secretamente, de algum lugar numa terra de trevas; eu não disse aos descendentes de Jacó: "Procurem-me à toa". Eu, o Senhor, falo a verdade; eu anuncio o que é certo. "Ajuntem-se e venham; reúnam-se, vocês, fugitivos das nações. Ignorantes são aqueles que levam de um lado para o outro imagens de madeira, que oram a deuses que não podem salvar. Declarem o que deve ser, apresentem provas. Que eles juntamente se aconselhem. Quem há muito predisse isto, quem o declarou desde o passado distante? Não fui eu, o Senhor? E não há outro Deus além de mim, um Deus justo e salvador; não há outro além de mim. Voltem-se para mim e sejam salvos, todos vocês, confins da terra; pois eu sou Deus, e não há nenhum outro". Por mim mesmo eu jurei, a minha boca pronunciou com toda integridade uma palavra que não será revogada: Diante de mim todo joelho se dobrará; junto a mim toda língua jurará. Dirão a meu respeito: "Somente no Senhor estão a justiça e a força". Todos os que o odeiam virão a Ele e serão envergonhados. Mas no Senhor todos os descendentes de Israel serão considerados justos e exultarão".
Resumo:



  1. Deus sempre fala conosco o que está por acontecer. Quando buscamos a sua direção através da Palavra, nunca ficamos confusas e nem somos "pegas de surpresa". Deus nos dá saídas, escapes para toda e qualquer situação em nossas vidas. Basta estarmos sempre atentas ao que Ele tem a nos dizer.
  2. Quando O buscamos nunca é em vão. O tempo que investimos buscando a Deus seja em oração ou lendo a Bíblia jamais é desperdiçado.
  3. Perda de tempo é buscar a salvação em outras fontes que não sejam O Senhor. Só em Deus encontramos a verdade que liberta e a justiça que merecemos. Lembrando que, Deus já falou conosco sobre justiça nestes dias de oração (clique aqui para ler sobre isso).
  4. Os que se rebelam contra Deus, os que se levantam contra Seus escolhidos serão envergonhados mas, aqueles que olham para o Senhor, encontrarão força, justiça e serão salvos de suas aflições.
Guarde esta palavra no seu coração, ore, profetize-a sobre a sua vida!

Beijos e até a próxima!

terça-feira, 14 de maio de 2013

O poder das mãos levantadas...

Olá queridas!

Falta uma semana para encerrarmos este propósito de oração e, todos estes dias, de diversas formas e utilizando diferentes textos bíblicos, Deus tem nos trazido a mesma mensagem: continue, avance, não pare de orar! E para a minha surpresa, num destes dias, Deus me trouxe uma palavra que nos leva além da oração, além da petição... Hoje vamos conhecer "o poder das mãos levantadas". 

O povo de Deus estava em batalha contra Amaleque (que significa "aquele que destrói") e, com muita sabedoria, Moisés enviou pessoas para guerrear enquanto ele mesmo subiu ao monte para orar, interceder e profetizar a vitória. A Bíblia relata que, enquanto as mãos de Moisés estavam erguidas, em direção à batalha, o povo de Deus prevalecia, porém, quando Moisés se cansava e baixava as mãos, Amaleque prevalecia. Entenda: Moisés não estava à frente da batalha, na verdade, ele nem estava na batalha, mas observava de longe. Então, se ele nem estava lutando, porque o simples ato de levantar ou abaixar as mãos influenciava na batalha? Porque enquanto seus soldados enfrentavam uma batalha corpo-a-corpo, Moisés enfrentava uma batalha espiritual. Ele estava dando cobertura espiritual para que seus soldados vencessem. E esta é a batalha que define TUDO na vida dos servos de Deus. A primeira e mais pesada batalha que enfrentamos ao acordar não é a física e sim a espiritual pois somos governados por ele. Tudo acontece primeiro lá e depois se manifesta de maneira visível e palpável aqui. As mãos erguidas de Moisés representam três coisas:


  • Dependência total de Deus para vencer o inimigo e toda resistência
  • Cobertura espiritual
  • Profetizar a vitória


Para vencermos nossas batalhas diárias, precisamos depender totalmente de Deus, cobrir de oração nossos propósitos, nossos pedidos, nossos familiares e profetizar a nossa vitória. Já vimos anteriormente que, se nossa causa, nossa petição for justa aos olhos de Deus (clique aqui para ler sobre isso), Ele nos atenderá, então, só precisamos crer que será assim e profetizar a vitória.

Ah, mas e a parte do cansaço? Com certeza você já se sentiu cansada ao travar uma batalha por um longo período de tempo. O que fazer quando isso acontece? Devemos seguir o exemplo de Moisés que, assentado sobre uma pedra, uma rocha (sabemos que esta rocha representa Jesus) e com a ajuda de Arão e Hur que mantinham suas mãos erguidas, um de cada lado, continuou dando a cobertura espiritual necessária. Devemos firmar a nossa fé em Jesus e na Sua palavra e, com a ajuda de outras pessoas, nos mantermos em oração. Bem, é exatamente isso que estamos fazendo nestes 21 dias, orando pelas nossas causas e umas pelas outras, não é mesmo? Então, não vamos desanimar...estamos vencendo, estamos avançando juntas e continuaremos assim até o fim!
Leia o relato bíblico na íntegra em Êxodo 17:8-16

Até amanhã, na Sala do Trono!
Graça e paz!

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Sua causa é justa? Então Deus atenderá!


Olá amigas e Guerreiras de Oração, que a paz de Deus seja sobre vocês hoje e sempre!

Ainda falando sobre a importância da nossa oração constante, olha o que Deus trouxe ao meu coração hoje:

Então Jesus contou aos seus discípulos uma parábola, para mostrar-lhes que eles deviam orar sempre e nunca desanimar. Ele disse: "Em certa cidade havia um juiz que não temia a Deus e nem se importava com os homens. E havia naquela cidade uma viúva que se dirigia continuamente a ele, suplicando-lhe: 'Faze-me justiça contra o meu adversário'. Por algum tempo ele se recusou. Mas, finalmente disse a si mesmo: 'Embora eu não tema a Deus e nem me importe com os homens, esta viúva está me aborrecendo; vou fazer-lhe justiça para que ela não venha me importunar'. E o Senhor continuou: Ouçam o que diz o juiz injusto. Acaso Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele dia e noite? Continuará fazendo-os esperar? Eu lhes digo: ele lhes fará justiça, e depressa. Contudo, quando o Filho do Homem vier, encontrará fé na terra?" 
(Lucas 18:1-8)

Podemos tirar desta parábola duas lições fundamentais para o nosso crescimento nestes dias de oração: 

  1. Devemos orar sempre e nunca desanimar, nunca parar de orar por aquilo que desejamos. O que levou aquela mulher viúva, sozinha na vida, provavelmente muito desfavorecida na sociedade em que ela vivia, a continuar, a insistir na sua petição? Ela tinha certeza de que a sua causa era justa; ela tinha convicção de que estava certa e que merecia aquele ganho de causa. Ela representava a parte fraca da história... ela tinha tudo para deixar de buscar o que ela queria, mas não! Ela não se deixou levar pelo desânimo e nem pelas circunstâncias porque ela ACREDITAVA! E nós, estamos sendo insistentes a este ponto? Ás vezes, desistimos de orar por algo que queremos muito porque não acreditamos naquilo de verdade, não estamos certas de que merecemos aquilo e, infelizmente, aquele desejo se transforma numa frustração. É isso que acontece quando paramos de orar, de insistir com Deus: nos transformamos em mulheres frustradas!
  2. Se um homem de coração endurecido por fim, se sensibilizou com a petição daquela mulher, quanto mais o Senhor, que é Justo, Compassivo e Misericordioso para com os Seus filhos não se sensibilizará também com a nossa insistência? Jesus está dizendo que Ele atenderá e depressa! Mas Ele atenderá aos Seus escolhidos que clamam a Ele dia e noite, ou seja, àqueles que não desistem, mas que perseveram em oração!
Resumindo: Nossa oração tem o poder de tocar o coração de Deus quando realmente acreditamos no que estamos pedindo, quando há convicção do que queremos. Acreditamos tanto a ponto de nos tornarmos inconformadas com os "nãos" e isso nos leva a sermos insistentes na busca pelo "sim". Duas coisas são importantes: a intensidade com que oramos, pedindo, clamando de coração e a insistência em orar sempre, até ver o nosso pedido atendido e nossa oração respondida! O segredo daquela mulher era este e, ainda que, como ela, eu e você seja a parte "fraca" da história, temos conosco Aquele que é Forte e que fará por nós tudo o que desejamos de coração! Ouça esta canção e fortaleça a sua fé nesta palavra!



Compartilhe esta mensagem com alguém que você saiba que precise! Ah, não deixe de clicar em reações ou escrever seu comentário, ok?

Beijos e até a próxima!

sábado, 4 de maio de 2013

Ao meio-dia...


Olá amigas e mulheres de visão!

A Palavra de hoje é um pouco forte e retrata o cenário de batalha espiritual que eu venho falando com vocês pessoalmente em nossa Igreja ou em conversas virtuais. 
Ela fala de uma ameaça do Senhor contra o povo que O desagrada e oprime os servos de Deus. Assim como podemos observar atualmente à nossa volta, no tempo desta profecia, a terra também estava cheia de iniquidade e as pessoas viviam pecando abertamente contra Deus. Porém, haviam aqueles que não se contaminavam, que obedeciam a Deus e procuravam cumprir as Suas leis. Para estes o Senhor olhava com misericórdia. 
Deus faz o mesmo hoje. Infelizmente, vivemos tempos muito difíceis em que a Palavra de Deus está sendo deturpada por aqueles que insistem em não se arrepender de seus pecados e perseguem aqueles que a guardam e praticam. Talvez, você olhe ao seu redor e diga: "Meu Deus, onde isso tudo vai parar? Será que há ainda esperança diante de tanta maldade?" Para aqueles, e aquelas, que como eu e você servem a Deus e buscam a Sua vontade, SIM, há esperança. Podemos ter a certeza de que Deus nos esconderá no dia mal; podemos ter certeza de que Deus nos protegerá de toda esta maldade e da fúria que virá sobre os ímpios e nos colocará em Lugares Altos.
Creia que, ainda que você esteja cercada por pessoas que não temem a Deus, ainda que você esteja sendo atacada pelos dardos inflamados do inimigo, saiba que você será protegida de toda ameaça e sua sorte será mudada. Mas, para isso, todas nós precisamos permanecer nesta mesma posição: buscando ao Senhor! Deus defenderá nossas vidas, nossas casas e famílias mas, precisamos permanecer em oração!
Leia o texto na íntegra:

Sofonias 2:1-7

"Reúna-se e ajunte-se, nação sem pudor, antes que chegue o tempo determinado e aquele dia passe como palha, antes que venha sobre vocês a ira impetuosa do Senhor, antes que o dia da ira do Senhor os alcance. Busquem o Senhor, todos vocês humildes do país, vocês que fazem o que Ele ordena. Busquem a justiça, busquem a humildade; talvez vocês tenham abrigo no dia da ira do Senhor. Gaza será abandonada, e Ascalom ficará arruinada. Ao meio-dia Asdode será banida, e Ecrom será desarraigada. Ai de vocês que vivem junto ao mar, nação dos quereteus; A palavra do Senhor está contra você, ó Canaã, terra dos filisteus. Eu a destruirei, e não sobrará ninguém. Esta terra junto ao mar, onde habitam os quereteus, será morada de pastores e curral de ovelhas. Ela pertencerá ao remanescente na tribo de Judá. Ali encontrarão pastagem; e, ao entardecer, eles se deitarão nas casas de Ascalom. Pois o Senhor, o seu Deus, cuidará deles; Ele restaurará a sorte deles".

Entendendo a profecia:


  • O primeiro trecho é a palavra de Deus dirigida aos nossos inimigos, aos principados e potestades que lutam contra nós. Deus está ameaçando-os! Eles devem fugir, correr de nós!
  • Em seguida vem a palavra de Deus dirigida para nós, que somos guerreiras de oração e buscamos ao Senhor. Ele está respondendo nossas orações e garantindo que nos dará vitória sobre nossos inimigos!
  • Note que Deus está ameaçando o inferno e Ele é bem claro quando diz: "ao meio-dia será banido". O que isso significa? Que ao meio-dia, no exato momento em que estamos ligadas em oração, clamando pelo socorro de Deus, Ele destruirá o nosso inimigo. Por isso minha amada, não pare de orar, não desista do compromisso que firmamos juntas diante de Deus porque, a cada dia, um inimigo será destruído e nós venceremos a batalha!
Guarde esta palavra no seu coração, assim como eu estou fazendo e permaneça nesta fé!

Você está enfrentando dificuldades para orar? Deixe nos comentários a sua experiência e clique em reações, assim saberei que Deus está falando com você!
Até amanhã, na Sala do Trono!

Graça e paz!

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Sim, o Pai nos dará coisas boas!


Olá amigas!

Mais um dia de oração em concordância e eu espero que você esteja sentindo tão fortemente a presença de Deus o quanto eu estou. 
Hoje, enquanto orava, Deus trouxe à minha mente a seguinte palavra, que compartilho com vocês agora. Espero que sua fé e  esperança sejam edificadas, assim como eu estou sendo!

Peçam, e lhes será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta lhes será aberta. Pois todo aquele que pede, recebe; o que busca, encontra; e àquele que bate, a porta será aberta. Qual de vocês, se seu filho pedir pão lhe dará uma pedra? Ou se pedir peixe, lhe dará uma cobra? Se vocês, apesar de serem maus, sabem dar boas coisas aos seus filhos, quanto mais o Pai de vocês, que está nos céus, dará coisas boas aos que lhe pedirem! (Mateus 7:7-11)
Já te aconteceu de, no momento em que está pedindo algo para Deus, bater aquela incerteza, aquela dúvida de que Ele vai nos dar o que estamos pedindo? Confesso que isso me ocorreu hoje. Enquanto pedia algo, pensei: "Será que isso vai realmente acontecer?" Na mesma hora, vieram estas palavras de Jesus à minha mente, anulando toda dúvida, toda incerteza, toda incredulidade. Quando terminei de orar, procurei este texto e comecei a ler, são os versos que escrevi acima e, o título descrito na minha Bíblia diz: "Jesus nos estimula a orar"Eu entendo que estamos enfrentando batalhas espirituais todos os dias e, esta incredulidade, esta dúvida justamente no momento em que estamos orando é SIM um ataque do inimigo, tentando nos desanimar e nos fazer deixar de lado nossos pedidos. Mas Ele, Jesus, que desfaz as obras do inimigo contra nós, nos encoraja a orar e pedir o que desejamos. E Ele mesmo nos garante que, se pedirmos, receberemos; se buscarmos, encontraremos; se batermos, a porta se abrirá. Maravilhoso isso não? É a nossa oração constante, nossas petições constantes que fazem de nós Guerreiras de Oração!
Sobre tudo o que for bom para nós, tudo o que nos fará felizes e realizadas,  precisamos guerrear contra o inimigo e, com a ajuda do Pai, conquistaremos! Deus nos dará  a vitória e a prova disso é o que Ele diz no verso 11, ou seja, se nós, que infelizmente temos a semente do pecado, somos maus por natureza, sabemos dar aos nossos filhos o que é bom, quanto mais Ele, que habita nos céus, que é Santo e rico em bondade e fidelidade, nos dará também as coisas boas que Lhe pedimos.
Como eu disse, esta palavra anulou toda a minha dúvida e, em lugar dela, me veio a certeza, a convicção de que Deus nos dará SIM tudo o que estamos lhe pedindo. Deus fará SIM tudo para estarmos felizes. Talvez não do modo que pensamos, mas Ele fará tudo para nos alegrar.
Continue pedindo, mesmo que você não esteja vendo nenhuma mudança, nenhum sinal, creia que Ele já te ouviu e já preparou para você todas as coisas boas que você está pedindo!

Vamos permanecer nesta fé, amém?
Ah, não deixe de clicar em reações ou deixar seu comentário sobre esta postagem. Isso é importante para mim e outras mulheres que lerão também!


Beijos e até a próxima!

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Só uma botija de azeite...


Olá amadas amigas!

Hoje iniciamos um propósito de oração com as mulheres de nossa igreja local e sentimos grandemente a presença de Deus em nosso meio enquanto orávamos juntas, no altar. Quando oramos, estabelecemos um meio de comunicação com Deus, começamos com Ele uma conversa. Falamos, Ele nos ouve e responde por meio do Seu Espírito Santo. Sabe aquela voz, ou aquele pensamento que já vem formado à sua mente? Sim, é Deus falando com você!

E hoje, Ele falou conosco através da experiência de uma mulher que, com certeza, você conhece. Já escrevi aqui no Blog sobre ela e é sempre bom lembrar. Trata-se de uma viúva que, ao perder seu marido se encontrava cheia de dívidas e na iminência de ter seus filhos levados para serem escravos, até que a dívida toda fosse paga. Imagine o desespero desta mulher que estava com seu presente e futuro comprometidos? Provavelmente ela não conseguia enxergar nada além do seu problema, e isso é um fato, tanto que procura o profeta e pede não uma oração, não um conselho, mas ela praticamente reivindica que ele a ajude a resolver a situação. Ela diz: 

"Olha, meu marido era teu servo, ele era fiel, ele temia a Deus, mas ele morreu e agora estamos nesta situação. Faça alguma coisa!" 

O que será que ela esperava de Eliseu? Será que ela imaginava que ele poderia lhe dar a ajuda financeira que ela precisava naquele momento? Não sabemos ao certo a resposta para esta questão mas, podemos entender que ela estava à procura de uma solução imediata para o seu problema. 
Eliseu, sem saber o que fazer, responde: 

"Como posso ajudá-la? Me diz o que você tem em casa?"

"Oras, como assim o que eu tenho em casa?" Eu imagino que ela tenha se perguntado... "será que ele não entendeu que já me levaram tudo o que eu tinha?" (tudo imaginação minha) Mas ela, lembrando-se de algo, responde: 
"Tua serva não tem nada além de uma vasilha de azeite"

Pronto, estava aí a solução! Ela possuía TUDO o que precisava para conseguir o que NÃO TINHA!
Simbolicamente falando, esta botija de azeite representa a unção e a unção representa a capacitação de Deus para fazer aquilo que sozinhas não podemos. 

Como conseguimos a unção? Através da nossa comunhão com Deus em oração. É pelas nossas orações e vida íntegra que Deus derrama sobre nós a sua unção e nos capacita a resolver coisas e transformar situações que jamais imaginávamos ser capazes de fazer. 
Quando a viúva imaginou que aquela simples e nada atrativa botija de azeite seria a solução para o seu presente e futuro?
Não que ela a desprezasse mas, será que ela estava dando a atenção devida àquela pequena botija? Certamente não e sabe porque? Porque ela não enxergava a importância que ela tinha.

Agora, uma perguntinha: Será que você está dando a devida importância para a sua pequena botija de azeite antes de sair correndo, desesperadamente atrás de uma solução rápida? Você pode me responder: "Como assim, eu tenho uma?" Eu te digo que SIM, na verdade, todas nós a possuímos e ela representa o nosso tempo com Deus. Todo período do seu tempo que você decide se dedicar à oração, é a sua botija de azeite e, quando você passa a entender isso, é transformada em uma mulher de visão, que enxerga não apenas o que os olhos podem ver, mas enxerga pela fé, o que os olhos naturais não podem. Talvez hoje, você só esteja enxergando o seu problema, mas eu te convido a abrir seus olhos espirituais e contemplar que sua botija de azeite pode mudar não apenas o problema de hoje, mas transformar TODA a sua vida

Só uma botija de azeite pode te fazer alcançar aquilo que homem nenhum pode te dar...Só uma botija de azeite pode te fazer conquistar...Só uma botija de azeite pode ser o veículo que te levará a realizar todos os teus sonhos...
Só uma botija de azeite pode te levar aos Lugares Altos...

Hoje foi nosso primeiro dia e Deus já nos diz que fará MAIS do que aquilo que pedirmos. Ele fará ALÉM do que precisamos no momento. Só não despreze sua botija de azeite...é através dela que Deus moverá todas as coisas em seu favor!
(Leia a história na íntegra em II Reis 4:1-7)

P.S.: Você tem liberdade para se expressar aqui, então, clique em reações abaixo ou se preferir deixe seu comentário contando suas experiências nestes dias de oração. Seu testemunho edificará a minha fé e de outras mulheres!

Beijos e até a próxima!